Menores são detidos após lançar pedras contra caminhões na BR-040, em Paraopeba

Caminhões tiveram os vidros danificados com as pedras.

 

Por volta das 15h desta quarta-feira, 21, Agentes PRF lotados em Sete Lagoas foram acionados para verificar danos em veículos de carga, causados por pedras lançadas nas proximidades dos Km 442 e 444 da BR-040.

Em contato com cinco caminhoneiros, todos com danos em seus veículos e, de posse de algumas características dos indivíduos, a equipe, juntamente com a PM/Paraopeba, passou a realizar varredura na área de mata próxima, localizando alguns menores no final da Rua Vicente.

Questionados, os menores negaram, em princípio, que fossem os autores do vandalismo. Como alguns deles guardavam semelhanças em suas vestes com as informadas pelas vítimas, os policiais insistiram nas perguntas e todos confessaram que cometeram os delitos. Alguns negaram ter lançado pedras. Outros que, embora tenham jogado, afirmaram não ter acertado nenhuma.

Diante da confirmação, os menores foram encaminhados, junto com seus responsáveis, para a delegacia de Polícia Civil de Paraopeba, com o apoio dos Policiais Militares locais. Dos menores, dois têm 15 anos, dois contam 14 anos e um tem 13 anos.

Segundo a PRF, esse tipo de vandalismo é prática antiga na região, já tendo feito dezenas de vítimas. Posicionados sobre os barrancos ao redor da rodovia, indivíduos (geralmente menores), passam a lançar pedras contra os veículos, tanto de dia quanto à noite, sem importar-se com o resultado. Já foram relatados casos de ferimentos pelas pedras ou estilhaços de vidro em ocupantes de veículos, inclusive automóveis e ônibus. Como possuem visão privilegiada da rodovia, percebem facilmente a aproximação de equipes policiais, fugindo pela mata e ruas laterais.

Da redação com PRF